New York 6 | Compras

Viajar para os Estados Unidos sempre deixa a mente consumista em alerta. Mesmo com o dólar alto (quanto fui para Nova York estava batendo os R$4,00), muita coisa ainda vale mais a pena por lá, quando comparamos com os preços super cheios de impostos que encontramos no Brasil, sil, sil.

Mas, diferentemente da minha viagem anterior aos EUA, dessa vez não fiz uma lista de querências. Decidimos, Bruno e eu, comprar “apenas” celulares e uma GoPro o que já mostra o motivo da ausência da lista: não sobrou dinheiro para mais quase nada. Hahaha! Mesmo assim, olhar não dói, né? Então, claro que entramos em algumas lojas e fizemos algumas compras mais baratinhas. Inclusive decidimos dedicar um dia ao outlet Jersey Gardens, que fica em New Jersey.

Esse é mais um post infelizmente pouco visual, mas de coração. <3

COMPRAS NYC

MMs World
Essa loja é definitivamente um “must go”. É tanta coisa linda, legal e divertida que a loja se espalha por três andares. Tem mil opções de M&M’s que você pode misturar e comprar por quilo, inclusive podendo gravar o nome que quiser nos doces, a um custo extra. Além disso, tem roupas, coisas para casa, brinquedos… Não tem fim! Me segurei MUITO e saí de lá com um body fofo para nosso sobrinho que ainda estava no forno e um pacote de bolas de árvore de natal em formato de M&M’s, além de claro, um saquinho de chocolatinhos, rs.

mms world mms world2

O melhor é que essa loja fica aberta até bem tarde então se durante o dia você não conseguir entrar, pode ir depois da Broadway ou de algum jantar ali pela Times Square.

Disney Store
Outra loja encantadora! Mil brinquedos e roupas lindas e até uma repliquinha de castelo da cinderela fazem você não saber para onde olhar. E o atendimento? Mesmo não comprando nada, o estilo Disney ficou marcado no belo “boa noite” que recebemos ao entrar, juntamente com um sorriso cheio de dentes.

Disney Store

Jersey Gardens
Esse é o outlet mais próximo de Manhattan e nós arriscamos dedicar um dia a ele. A princípio pensamos em alugar um carro para isso, mas como a grana tava curta, e eu tinha lido em alguns blogs sobre um ônibus de linha que levava até lá, desistimos do carro. Pegamos o tal bus na estação 42th Port Authority e devo dizer que, para nós, que não trouxemos taaaaantas compras, valeu super a pena! Custou bem menos por pessoa a round trip, ou seja, ida e volta do que sairia o carro. (Ai, não anotei o valor e não lembro, mas era MUITO mais barato, juro.)

Quanto ao outlet, já sabíamos que com o dólar a R$4,00, nada sairia tãoooo barato. Eu, pessoalmente, me coloquei o limite de comprar apenas peças de no máximo $20,00 e só se fossem peças que valessem mesmo R$80,00. Acabei ficando mais tempo garimpando na Forever 21 (e achei coisas legais) e depois, junto com o Bruno, ficamos mais um tempo na Carters escolhendo roupinhas que meu irmão e minha cunhada tinham encomendado para o sobrinho. Passamos ainda na Bed, Bath & Beyond e o Bruno ainda foi comprar meias e coisas assim.

Moral da história: como não abrimos mão de nenhum outro passeio que queríamos para ir, achei que valeu a pena. Mas se isso nos custasse alguma atração primordial, então aconselharia a pular o Jersey Gardens pois lá não se encontram os mesmo descontos dos outlets de Orlando e Miami, por exemplo.

MoMa Store
Essa loja é maravilhosa e…cara. Claro, o lugar respira design e tem muita coisa inusitada, diferente e linda. Saímos de mãos abanando (como eu previa), mas eu amei a visita e recomendo. O local é pequeno e não toma muito tempo. Inspiração pura.

Lego
Outra loja muito legal, já desde a vitrine. Ela fica em frente ao Rockfeller Center e tem uma réplica em lego do famoso complexo. Quem curte, pira nas mil opções de pecinhas, bonequinhos e cenários.

lego2 lego

Apple Store
A mais incônica loja da marca vale a visita não só por seu valor histórico (li a biografia do Steve Jobs, então para mim esse lugar é parte da história recente, rs) mas, claro, pelos produtos, caso você queira comprar algum. Nós fomos trocar de celular e mesmo a fila estando bem grande (o iPhone 6s tinha sido lançado há poucas semanas) o processo foi super rápido!

apple store

Mas a loja toda estava bem lotada, não tinha lugar pra sentar, então não consegui curtir tanto a loja. Ainda assim, quem curte tecnologia tem que passar por lá.

BH
Essa enorme e completa loja, especializada em produtos visuais como câmeras fotográficas e de vídeo chega a assustar. É muito equipamento, muitos deles bem profissionais. Fomos lá comprar a GoPro e fomos super bem atendidos. Então é uma loja que vale super a pena para compra de câmeras, lentes e tal.

mood

Bom, uma pessoa que costura e assistiu muitas temporadas de Project Runway precisa dar uma passadinha na famosa loja de tecido onde os designers começavam suas criações: a Mood. Mesmo com o roteiro (e a grana) super apertado eu fiz questão de passar por lá. O lugar é bem grande e tem muita opção. Sorte que eu já tinha em mente pelo menos o tipo de tecido que queria e mais sorte ainda que calhei de abordar um vendedor que já havia morado no Brasil, falava português e ainda me ajudou a medir o tecido em metros e não yards, que é o costumeiro por lá. Amei, os tecidos realmente têm opções de estampas muito mais interessantes que os que encontro na 25, pelo menos. Sim, são caros, muito por conta da conversão (sempre), mas não resisti e trouxe três. Passei no crédito, joguei pra Deus e sai MUITO feliz com minha sacola, com direito a um belo “Thank you Mood!”, jargão utilizado no programa.

mood mood2

Comedida, né? Até entramos na H&M, mas não levamos nada para nós, assim como em diversas lojinhas que, com aquela ajuda do dólar alto, estavam bem fora do nosso alcance. Além disso, essa foi uma viagem quase feita por impulso, então precisávamos mesmo economizar e não tínhamos intenção de ficar comprando. Acho que fomos bem. Compramos apenas coisas que podíamos/precisávamos, sem loucura, sem arrependimentos. :)

Posts Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *