Diga ao povo que fico. Ou volto.

Às vezes eu sinto que já escrevi posts demais dando satisfação de sumiços demais. Toda vez que isso acontece penso:

 

a) Nunca mais ficarei tanto tempo sem postar no blog.

 

b) Caso aconteça, vou poupar os leitores das desculpas e simplesmente vou voltar a postar.

 

Mas aí dá aquele siricutico, aquela vontade de se explicar e, principalmente, o medo de não conseguir voltar com tudo. Assim, pelo menos todo mundo já sabe o porquê. Eu mudei de agência, na realidade voltei para uma agência onde já trabalhei e, como todo recomeço, ainda estou me adaptando. A isso soma-se o curso de saias que estou fazendo no sábado e aos aniversários, saídas, reencontros… Na minha opinião, quanto mais próximo o fim de ano, mais o tempo parece encolher. Tudo acontece muito rápido e tem muita coisa acontecendo. 

 

Eu havia me proposto voltar às origens do blog, com posts um pouco mais extensos, mais pessoais, mais opinativos e com um pouco mais de texto e isso requer tempo. E eu não ando tendo isso. Aí bate a dúvida: espero até poder realizar esse desejo ou vou nos posts mais rápidos e mais possíveis?

 

No momento, escolhi tentar postar mesmo que tenha que ser com certa agilidade. E, quando der para escapar, vou voltando ao desejo de polir mais o #Cool!

 

Então eu escolhi, como sempre, voltar. 

 

 

Posts Relacionados

2 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *